Prefeito de Peixe limpa nome da prefeitura, mostra sinais positivos e desafios para o futuro
Melhorar a estética da entrada e dentro da cidade com construção de praças e pavimentação asfáltica, mudança da prefeitura para um prédio moderno, transformações na saúde pública com reforma e expansão de atendimento à comunidade, recuperação das estradas
Publicado em: 20/04/2017 ás 14:44:00 Autor: Wesley Silas Fonte: Atitude TO

Em pouco mais de 100 dias de governo, o atual prefeito Zé Augusto tem mostrado ações voltadas a melhorar as condições sociais dos moradores e dos visitantes. Conforme apurou o Portal Atitude, em poucos dias atual gestão tem resolvido velhos gargalos, a exemplo do funcionamento do hospital municipal que passa por transformações estruturais e agora atende com dignidade os moradores da cidade. Na questão da infraestrutura, o prefeito adiantou que  começou a tirar do papel velhos projetos, como o de pavimentação asfáltica da cidade.

“Está previsto para o dia 30 deste mês o início da execução da pavimentação na parte do Centro Histórico da Cidade e da Vila São José no valor de R$ 1 milhão de um convênio antigo que estava parado e agora o município teve que aumentar a contrapartida para manter e não perder aumentando a contrapartida para R$ 220 mil de contrapartida do município, sendo que R$ 170 está sendo feito e a empresa marcou o início da obra”, disse Zé Augusto.

Para o segundo semestre, a previsão da Prefeitura de Peixe é trabalhar para mudar a condição da Avenida Principal da cidade e do Setor Nonato Lacerda.

“Temos a previsão de utilização de R$ 600 mil de emendas da deputada Dulce Miranda, R$ 500 mil da deputada Josi Nunes, R$ 250 mil do deputado Vicentinho Júnior, R$ 250 do senador Vicentinho. São recursos que a gente vai usar para recuperar e fazer a drenagem da Avenida Principal e asfaltar parte das paralelas com a Avenida Principal”, disse.

Ainda sobre pavimentação, a meta da gestão é asfaltar toda cidade com recursos próprios e de convênios com o Governo Federal. Para isso a prefeitura já fez todo levantamento topográfico e encontra-se pronto para executar um projeto arrojado, avaliado em R$ 7,5 milhões. 

“Já temos R$ 2,5 milhões de emendas para começar a execução, temos o planejamento de até o final de 2018 fazermos com R$ 2 milhões com recursos próprios e estamos com os projetos apresentados para concluir os R$ 7,5 por meio de proposta voluntária”, disse.

Zona rural

Em meio ao período de chuvas, mas, necessitando atender os produtores rurais para o escoamento da safra e locomoção de moradores, a prefeitura já recuperou, emergencialmente, 95 km de estradas vicinais.

“Devido Peixe ter se tornado um dos maiores produtores de soja no Estado, fizemos uma recuperação emergencial de 95 km de estradas da zona rural; fomos obrigados, inclusive, a recuperar 28 km de estradas estaduais e temos no cronograma 45 km para ser concluído. Terminada esta fase, vamos ter mais 60 km para recuperar de maneira emergencial para oferecer mais tranqüilidade ao transporte escolar que está sendo feito em estradas de péssima qualidade”, disse o prefeito.

Paisagismo

Outro projeto já licitado com data para iniciar é o que permite criar um portal de acesso a cidade na entrada da BR-242 por meio de uma praça voltada a criar uma visão positiva da cidade às pessoas que passam na rodovia e oferecer à população um espaço de lazer ao ar livre com calçadas arborizada e quiosques padronizados com produtos da terra.

“Estamos concluindo a praça do Colégio Dom Alano, próxima ao Banco do Brasil. Já licitamos e vamos concluir até o mês de julho uma praça na entrada da cidade onde temos uma área pública que está sendo ocupada de maneira desordenada. Esta praça terá espaço para estacionamento e vamos colocar algo que identifique a nossa potencialidade com uma estrutura que irá apresentar a entrada do município como portal de acesso do arquipélago do Tropeço”, explicou Zé Augusto. “Também iniciamos o processo de tombamento do Centro Histórico da cidade para fazermos uma revitalização”, acrescentou.

Nova prefeitura

Segundo o prefeito, outra mudança que está preste acontecer será voltado a melhorar o atendimento ao público com um prédio decente onde abrigará o novo Centro Administrativo Municipal.

 “A atual sede não é muito funcional, pois é instalada em um prédio que era usado para o descanso dos funcionários da Usina de Enerpeixe, posteriormente doada para o município. No entanto, tínhamos um prédio que estava com a empresas Braxcel Celulose sem nenhuma utilização há seis anos e cancelamos a concessão de cessão de uso estamos terminando a reforma deste prédio que fica na Avenida Napolão de Queiroz. A previsão é que até o início do mês de maio já estejamos no novo Centro Administrativo da Prefeitura”, disse o prefeito.

Educação

De acordo com o prefeito de Peixe, a educação e saúde são prioridades da sua gestão. 

“Questões de remédio e da Merenda Escolar são prioridade da administração e pode faltar dinheiro para outro lugar, mas para remédio ou para merenda escolar não tem condições de faltar”, garantiu.

Contudo, o prefeito afirma que as condições do transporte escolar merecem ser melhorada, principalmente, na correção do atraso das linhas.

“Pegamos todos os nossos veículos sucateados e contratamos uma empresa para nos auxiliar, pois são 39 rotas de transporte escolar; lembrando que reabrimos duas escolas na zona rural, sendo uma no entroncamento de Jaú e outra no Distrito de Novo Nilo que hoje estão funcionando, com média de 70 alunos, cada. Surgiram também problemas na questão de atraso em algumas linhas do transporte, devido a equipe que assumiu ser nova e é normal alguns desencontros neste início; mas, faço questão de dizer que não estou totalmente satisfeito com o transporte escolar, a gestão melhorou, mas com relação ao transporte escolar a gente tem muito a melhorar”, disse.

Temporada de Praia

Quando o assunto é gestão pública, a centenária de Peixe, apesar do seu grande potencial para o turismo, não esconde que a cidade passou alguns anos meio adormecida. A praia da Tartaruga é um exemplo, conformou foi lembrado pelo prefeito Zé Augusto, pois segundo ele, nos últimos quatro anos a temporada teve momentos de inconstâncias a exemplo de 2015 quando foi organizada apenas pela Associação de Barraqueiros e em 2016 com temporada crítica sem nenhuma participação do poder público, caindo o crédito da praia.    

“Umas das nossas prioridades para o primeiro ano será um tratamento de choque para recuperar a credibilidade da praia de Peixe e a nossa e expectativa é que a gente consiga recuperar o prestigio da praia e façamos a melhor praia do Estado”, disse.

Para viabilizar a realização da Temporada, a prefeitura de Peixe adiantou todos os pedidos  para obtenção de licenças junto aos órgãos, dentre ele o Patrimônio da União no Estado do Tocantins (SPU-TO), Naturatins e IBAMA.

“O projeto já está pronto e foi apresentado e estamos na expectativa de que, no máximo, até o dia 15 de maio a gente esteja com tudo regularizado”.

Programação e estrutura

Conforme o prefeito, em breve a prefeitura irá divulgar a programação voltada para agradar todos os públicos.

“A programação já está sendo organizada e estamos com previsão de, pelo menos, cinco shows de nível nacional, já contratamos um empresário de Goiânia (GO) para estrutura de banheiro e contêiner, que será a mesma utilizada no Villa Mix. No mais, é seguirmos o padrão do que a praia era feita porque não podemos errar neste primeiro ano e vamos recuperar o padrão de qualidade da praia”, disse.

Abertura

A abertura da temporada de praia poderá acontecer no último final de semana do mês de junho, quando comemora o aniversário da cidade, ou no  dia 01 de julho, conforme for a vontade da comunidade.

“Tem uma situação que estamos discutindo com a comunidade – que era uma idéia minha de fazer o show comemorativo do aniversário da cidade no dia 24 de junho na praia com toda estrutura montada; mas, teve um pouco de resistência da população e nós continuamos consultando os moradores para ver se a maioria acha interessante, caso contrário vamos fazer a comemoração do aniversário na cidade e a praia ficará oficialmente aberta no dia 01 de julho”, explicou.

Salários, queda na arrecadação e herança de dívidas com servidores

Apesar da queda no ICMS de nos meses de fevereiro de março, a prefeitura de Peixe conseguiu fazer o controle das contas por meio de redução de gastos com pessoal e ainda conseguiu investir R$ 300 mil na recuperação da frota de maquinários e veículos do transportes escolar que foram recebidos pela atual gestão quebrados e sucateados.

“É uma análise matemática, separei um percentual para pagamento de dívidas e outro para os investimentos necessários. Infelizmente, com a queda do ICMS nos meses de fevereiro e março  eu tive que controlar as finanças e quem mais saiu prejudicados foram os credores da administração anterior, mesmo porque iremos continuar fazendo uma eterna auditoria para saber a realidade das dívidas que são reais e devidas. Ainda temos uma folha do mês de dezembro no valor de R$ 1.620.000,00 e já conseguimos a metade e se não tivesse acontecido a queda do ICMS eu garanto que já estaria totalmente pago”, explicou. “O salário era pago no dia 20 do mês subseqüente ao trabalho, mas, preferi pagar o mês de janeiro dentro do próprio mês, assim como os outros meses e o mês de abril será pago até o dia 30 de abril. Estou pagando dentro do mês e aos poucos estou pagando o mês de dezembro que ficou”, acrescenta o prefeito.

Nome limpo

Depois de alguns ano com situação irregular no Serviço Auxiliar de Informações para Transferências Voluntárias (Cauc) a prefeitura voltou neste ano a ter o nome limpo para receber investimentos.

“Estamos com o nome limpo, pronto para receber recursos, pois existe hoje boa vontade por parte dos nossos parlamentares federais e estaduais em que temos algumas emendas sendo encaminhadas, principalmente, pelos deputados Valdemar Júnior, Mauro Carlesse e Wanderley Barbosa. Pela postura que eu vi ontem do governador Marcelo Miranda na posse de João Emídio, da ATM, na pasta de Articulação Política, estamos sonhando com um tratamento diferenciado do governo do Estado em relação ao pagamento das emendas e auxilio aos municípios. Temos também uma frente muito boa no Governo Federal de forma que estamos conseguindo várias emendas”, concluiu o prefeito. 

  • Tags:
  • Prefeito Zé Augusto
  • Prefeitura de Peixe
  • Gestão Responsável
  • Peixe - TO
  • Peixe
  • Hospital de Peixe
  • Praia da Tartaruga
Notícias relacionadas